quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Estamos em vésperas do natal e ano novo.

Estamos em véspera de natal, lemos e vimos que continuam, as chamadas campanhas de solidariedade em que participam imensas pessoas, os que recebem os produtos e os que vivendo já com grandes dificuldades continuam a dar o que podem e algumas vezes a contribuir com o que lhes faz falta em casa.
Continuamos todos a saber que vão aumentar os transportes,a electricidade,os combustíveis etc.etc.etc.
Como todos sabemos que o salário mínimo no principio do ano não chega aos 500 euros, o que no meu modesto entender é um situação que não é compreensivel: Como também,sabemos que menos pessoas vão receber o rendimento mínimo,quando o desemprego vai aumentar, os cortes nos salários vão atingir muitos trabalhadores, quando o IVA e outros impostos vão subir como é possível acabar com a fome por muitas campanhas de solidariedade que se façam, isto não vai com boas intenções que as há, nem vai com caridadezinha de gente que está bem na vida e gosta de aparecer nestes momentos porque fica bem, e até é bom haver pobres para se aparecer como gente boa, gente empenhada e as pessoas até falam nelas e deixam de falar no verdadeiro problema da nossa sociedade e nos culpados desta situação, porque existem culpados,que permitem que uns poucos recebam milhões e muitos mesmo muitos estejam na mais completa miséria e com esta politica e estas medidas muitos mais para lá caminham.
Este natal e ano novo eu e milhares de Portugueses não nos sentimos bem com a miséria de milhares de compatriotas nossos que estão dependentes da caridade ou solidariedade de outros,todos nós nos devíamos sentir, indignados e envergonhados por termos primitido chegar a esta péssima e indigna situação para muitos Portugueses.
Temos que aprender a dizer sim e não, porque todos temos opinião e a nossa opinião também conta, todos temos saber e devemos utilizar esse saber ao serviço do nosso semelhante também podemos utilizar o voto como arma e não ficar em casa para os outros decidirem por nós.
Por hoje basta, um melhor natal e um ano novo diferente para todos os Portugueses.

1 comentário :

  1. meu amigo para ti tambem um NATAL FELIZ E UM ANO NOVO PRÓSPERO UM ABRAÇO

    ResponderEliminar